segunda-feira, 10 de julho de 2017

Te amo da forma mais sincera possível.

Amor sem jogos, que da vontade de sair por aí gritando pra que todos saibam o quão bonito o amor em si é, um amor leve e forte!
São poucos meses, mas pelos cálculos parece que eu já vivi 60 vezes mais que esse tempo…
Foi como se eu tivesse nascido aqui, porque tu me fez sentir viva no momento em que apareceu.
Te abracei e tive a sensação de um mundo inteiro dentre meus braços.
Contigo eu consigo entender que pra sempre vai além de tempo ou da permanência.
Pra sempre é o que tu sente em instantes e o nosso foi aquele em que te vi caminhar em minha direção e abrir um sorriso lindo no nosso primeiro encontro.
E hoje te fazer sorrir, é o que eu mais prezo, porque assim é nosso amor, é entrelaçar nossos sorrisos até se tornar um.
Poemas Desconhecidos.

A importância da IGREJA nos momentos de crise no casamento de um crente!

Seria um pecado a igreja ou um líder pastoral apenas apontar a crise e dizer que vai orar pela pessoa que sofre num casamento complicado. Fé sem obras é morta (veja Tg 2.14-17). A igreja precisa oferecer diversas formas de ajuda para esse casal. As três principais são:
1. Grupos familiares, um contexto onde a pessoa abusada pode experimentar um lugar seguro, um ambiente familiar saudável e aprender, se não sabe ainda, como relacionar-se de forma sadia.
2. Grupos de apoio compostos especificamente de pessoas com problemas que não conseguem resolver. Aqui ela encontra companheiros de jugo, um lugar onde pode ser realmente honesta, transparente e autêntica em seus altos e baixos, e um contexto no qual tratar seus próprios problemas emocionais. (Veja meus livros Aprofundando a Cura Interior através de Grupos de Apoio, Volumes 1 e 2, Editora Sepal. Veja também o livro de Débora, Vítima, Sobrevivente, Vencedor. Perspectivas sobre Abuso Sexual, Editora Sepal, que orienta como montar um grupo de apoio para vítimas de abuso.)
3. Casais apoiadores. Estudos feitos nos Estados Unidos demonstram que a porcentagem de divórcios caiu de forma marcante e visível não apenas em uma igreja, mas em cidades inteiras, onde casais saudáveis e capacitados adotaram e acompanharam casais com dificuldades.
A igreja precisa acordar, erguer-se e ser eficaz em resgatar casamentos em crise. Precisamos parar de oferecer apenas “curativos” para pessoas que sofrem de câncer no seu casamento, e dar apoio, esperança e formas práticas para que elas passem de vítimas a sobreviventes e vencedoras. Quando um cristão se divorcia do seu cônjuge, de alguma forma muito profunda, está comunicando que falhou na relação mais fundamental de sua vida. Mas ele não falhou sozinho. A igreja precisa reconhecer que também falhou ao não dar o apoio, o conselho e a ajuda necessários.
Quando uma pessoa decide violar consciente e abertamente o ensino bíblico, os passos de confronto e disciplina em Mateus 18.15-17 devem ser seguidos. Como podemos dizer que levamos o casamento a sério se passamos a mão na cabeça de pessoas que optam em, explicitamente, desobedecer o ensino bíblico nesta área? Em nome de enxergá-las como vítimas, coitadas, doloridas, feridas e não sei quantas outras coisas, apoiaremos a desobediência explícita à Palavra de Deus? Se fizermos isso, abandonamos tanto o amor verdadeiro, como a autoridade das Escrituras. Desafio a igreja a erguer-se, tanto no consolo, aconselhamento e apoio verdadeiro, como em defender o ensino e a prática da visão bíblica do casamento.

segunda-feira, 12 de junho de 2017

DINÂMICA PARA REUNIÃO DE CASAIS



DINÂMICA PARA REUNIÃO DE CASAIS
1. Hora do beijo - Material necessário: Um "timer" de cozinha ou outro tipo de alarme. Logo no início da reunião os moderadores deverão avisar aos casais presentes que toda vez que eles ouvirem o som do "timer" deverão dar um beijinho em seu cônjuge.O casal que demorar para cumprir a tarefa ou não fizer pagará uma prenda. Os moderadores ajustarão o "timer" para tocar em diferentes espaços de tempo durante a reunião.

terça-feira, 6 de junho de 2017

Jantar de Casais Com Palestra.

Atenção Povo de Marica toda região dos Lagos
Rod. Amaral Peixoto, Km, 31 lote 44 Bairro Condato
Sexta Feira, 16\ 06, Informações 2648-9213/ 3731-9628 / 99857-5015 Sra. Patricia Motta
Palestrante: Pr Zaqueu Medeiros & Pra Marlene Medeiros.

COMO PAPARICAR SUA ESPOSA

AMIZADE CONJUGAL
(A mulher adúltera)… deixa o amigo da sua mocidade e se esquece da aliança do seu Deus. Pv 2.17
O casamento bíblico é aliança com “o amigo da mocidade”. Para evitar brechas no relacionamento, cultive sua amizade com sua esposa por meio de algum tipo de “hobby” que vocês dois possam fazer em conjunto: um esporte, uma atividade cultural, um ministério na igreja, um serviço comunitário, uma área de música ou diversão.
UM SABE-TUDO?
Não sejas sábio aos teus próprios olhos; Teme ao Senhor e aparta-te do mal. Pv 3.7
Ninguém aguenta o “sabe-tudo”. Às vezes, nós homens nos comportamos como se tivéssemos todas as respostas para tudo, e não valorizamos as sugestões de nossas esposas. Que tal hoje pedir a opinião de sua esposa numa área em que ela tem mais facilidade do que você? Aproveite seus dons e talentos, você pode aprender algo útil com ela!
PERDÃO COBRINDO TRANSGRESSÃO
O ódio excita contendas, mas o amor cobre todas as transgressões. Pv 10.12
Mágoas e ressentimentos destroem o casamento e “ira não resolvida” abre brecha para o Diabo (Ef. 4.26,27). Você tem guardado mágoa contra sua esposa? Alguma irritação contínua? Estenda para ela o mesmo perdão que você primeiro recebeu da cruz de Cristo. Cubra as transgressões decidindo perdoar e, se possível, esqueça. Paparique sua esposa tirando os “entulhos” do seu relacionamento.
A “FOFOCA” DOS SÁBIOS
Alguém há cuja tagarelice é como pontas de espada, mas a língua dos sábios é medicina. Pv 12.18
Você fala bem ou mal da sua esposa para outras pessoas? A melhor forma de elogio é a “fofoca” dos sábios – palavras de elogio faladas para outras pessoas sobre nossa esposa. Assim como a fofoca suja se espalha, mais cedo ou mais tarde essas palavras de elogio chegarão até ela. Que tal compartilhar com alguém hoje o que você admira em sua esposa e veja como a “fofoca dos sábios” edificará seu lar.
O GUIA SÁBIO
O justo serve de guia para o seu companheiro, mas o caminho dos perversos os faz errar. Pv 12.26
A mulher que teme a Deus sente-se mais segura quando seu marido a lidera espiritualmente. Você é um guia espiritual em casa? Se sua família não tem o costume da leitura da Palavra de Deus, que tal começar hoje um tempo devocional em casa com um pequeno texto bíblico e pedidos de oração? Sua esposa vai amar o convite!
ADORNANDO O CONHECIMENTO
A língua dos sábios adorna o conhecimento, mas a boca dos insensatos derrama a estultícia. Pv 15.2
Para “adornar” o dia da sua esposa, que tal deixar um recado para ela na caixa de correio de sua casa, na caixa postal ou na secretária eletrônica? Prepare suas palavras com antecedência, e conte como você está grato por tudo que ela significa em sua vida, listando algumas qualidades que você admira nela.
BELEZA E ALEGRIA INTERIOR
O coração alegre aformoseia o rosto, mas com a tristeza do coração o espirito se abate. Pv 15.13
Você separa tempo só para alegrar o coração de sua esposa? Às vezes, isto exige sacrifício – como desistir daquele jogo de futebol ou corrida de Fórmula 1 na TV – para leva-la ao shopping ou a outro lugar que ela gosta. Se os recursos são poucos, que tal uma saída simples, mas divertida, em que cada um terá certo valor para comprar algo para agradar ao outro? Um sorvete, uma flor, chicletes ou chocolate, um CD, etc.
PAVIO LONGO
O homem iracundo suscita contendas, mas o longânimo apazigua a luta. Pv 15.18
Alguns homens podem paparicar suas esposas com todas as ideias criativas do mundo e estragar tudo com uma explosão de ira. O marido sábio sabe que há dias no mês em que sua esposa pode ficar mal-humorada. Que oportunidade para andar mais uma “milha” sendo compreensivo e amoroso! Em nome da paz, talvez você tenha que engolir em seco seu orgulho, mas não engula sua esposa numa rixa desnecessária.
MEDITANDO A RESPOSTA
O coração do justo medita o que há de responder, mas a boca dos perversos transborda maldades. Pv 15.28
O caminho de volta para casa depois do serviço pode ser um tempo de preparo emocional e espiritual para enfrentar novos desafios com bom humor, mesmo depois de um dia difícil. Use aquele tempo no trânsito para fazer a transição do mundo do trabalho para o mundo do lar. Quando chegar a casa, estará pronto para ser, não só um homem trabalhador, mas um bom marido e bom pai.
HUMILDADE E HÁBITOS
O temor do Senhor é a instrução da sabedoria, e a humildade precede a honra. Pv 15.33
O amor por Deus e pelo próximo andam de mãos dadas. Os maus hábitos causam muita tensão entre os casais, mas para haver mudanças é preciso humildade e muita graça, e muitos maridos não querem mudar. Ser grosseiro, deixar roupas espalhadas, ignorar a higiene pessoas, etc, talvez pareçam hábitos inocentes, mas prejudicam os relacionamentos. O amor requer a tentativa!
SOBERBA E RUÍNA
A soberba precede a ruína, e a altivez do espirito, a queda. Pv 16.18
A soberba no casamento revela-se de muitas maneiras: alguém sempre pensa em si mesmo primeiro, fala sem parar dos seus próprios sonhos, sempre reserva o maior e melhor pedaço para si, nunca admite que errou, não pede perdão, domina o controle remoto, demora para sair do banheiro ignorando os outros. Você quer paparicar sua esposa? Pense nela antes de si mesmo (Ef 5.28,29)
ESPÍRITO SERENO
Quem retém as palavras possui o conhecimento, e o sereno de espírito é homem de inteligência. Pv 17.27
Desenvolva intimidade no seu casamento. Existe uma linha muito fina entre ser um homem reflexivo e quieto, mas que participa do lar, e ser um homem introvertido e ausente. Não seja egoísta, se você for um homem quieto, não use sua personalidade como desculpa para fugir da sua esposa e de compartilhar com ela os pensamentos do seu coração. A intimidade no casamento depende disso.
PERIGO: HOMEM NA COZINHA!
O preguiçoso mete a mão no prato e não quer ter o trabalho de a levar à boca. Pv 19.24
Embora alguns homens gostem de cozinhar (e o fazem bem!), a maioria prefere deixar o serviço para sua esposa ou doméstica. Que tal surpreender sua esposa, assumindo o serviço da cozinha quando ela estiver muito ocupada? Faça algo simples, mas caprichado e ao mesmo tempo aprenda a valorizar o que ela e outros fazem por você todos os dias.
TEMOR AOS HOMENS
Quem teme ao homem arma ciladas, mas o que confia no Senhor está seguro. Pv 29.25
Em vez de serem seguros, muitos dos homens têm medo do que outras pessoas vão pensar se tratar suas esposas com delicadeza. Seja um homem cavalheiro, abrindo a porta para sua esposa, puxando a cadeira para ela se sentar, ficando do lado da rua ao caminhar com ela, assumindo tarefas desagradáveis do lar. Entenda sua posição em Cristo para proteger e cuidar de sua esposa como “vaso mais frágil” (1Pe 3.7).