terça-feira, 6 de junho de 2017

COMO PAPARICAR SEU MARIDO

DEIXANDO PAI E MÃE
Por isso, deixa o homem pai e mãe, e se une a sua mulher, tornando-se dois uma só carne. Gn 2.24
O casamento bíblico requer exclusividade, fidelidade e intimidade. Infelizmente, algumas esposas nunca cortaram o cordão umbilical com seus próprios pais. Você ainda recorre a mamãe e ao papai quando tem qualquer dificuldade? Conta detalhes da sua vida para sua mãe que não contaria para seu marido? Não transfira a lealdade devida ao seu marido para seus pais.
FAZENDO AS PAZES
Irai-vos e não pequeis; consultai no travesseiro o vosso coração, e sossegai… Sl 4.4
Nada destrói um casamento mais rápido do que mágoas e ressentimentos. A esposa que quer “paparicar” seu marido não deve deixar que haja “entulhos” bloqueando o relacionamento com ele. Verifique se não há “contas não acertadas” entre vocês dois. Não tente dormir com paredes de ira erguidas entre vocês, mas façam logo as pazes e não deixem para ‘amanhã’.
A COROA DO MARIDO
A mulher virtuosa é a coroa do seu marido, mas a que procede vergonhosamente é como podridão nos seus ossos. Pv 12.4
Se a mulher virtuosa é a coroa do marido, que tal declarar que ele é “rei” por um dia? Pode começar o dia colocando em sua cabeça uma “coroa” preparada por você ou filhos, entregando-lhe um certificado de coroação prometendo atender (dentro do razoável) as ordens e aos desejos dele durante o dia. Pode terminar com um banquete ou o que a imaginação mandar.
A PALAVRA QUE ALEGRA
A ansiedade no coração do homem o abate, mas a boa palavra o alegra. Pv 12.25
A esposa sabe quando seu marido está aflito. Mas muitas vezes não sabe o que fazer para ajudá-lo. Esse provérbio oferece uma ótima sugestão: uma boa palavra (da esposa) para alegrá-lo! Que tal surpreendê-lo no meio do dia? Dê um simples telefonema ou até mesmo um bilhete escrito: “Eu te amo; estou orando por ti; sei que Deus vai te dar a vitória!”
POUCO COM O TEMOR DO SENHOR
Melhor é o pouco, havendo o temor do Senhor, do que grande tesouro onde há inquietação. Pv 15.16
Há muitas atividades que vocês põem curtir juntos, com pouco ou nenhum gasto. Celebrem sua amizade e a paz em seu lar com um desses programas: assistir ao por do sol; caminhar no calçadão; assistir a um vídeo romântico; jogar um videogame ou outro jogo de computador ou de tabuleiro juntos; começar uma pequena horta ou jardim, etc.
UM PRATO DE AMOR
Melhor é um prato de hortaliças onde há amor do que o boi cevado e, com ele, o ódio. Pv 15.17
Ainda melhor que um prato de hortaliças é um café servido ao marido na cama, junto com um cartãozinho com votos de alegria e desejando muitos anos de vida juntos. Que tal levantar mais cedo um dia nesta semana e oferecer este café especial para o seu amor? (veja Pv 31.15)
A REPREENSÃO SALUTAR
Os ouvidos que atendem `a repreensão salutar, no meio dos sábios têm a sua morada. Pv 15.31
O segredo de uma vida sábia é: ouvir a crítica, valorizar a crítica, mudar com base na crítica. Em vez de partir para o contra-ataque, quando for criticada por seu marido, fique calma e peça um tempo para ir `a presença do Senhor para avaliar a crítica e poder responder com ele quiser. Seja sábia e a admiração do seu marido por você aumentará.
O PRIMEIRO AMOR
O sábio de coração é chamado prudente, e a doçura no falar aumenta o saber. Pv 16.21
Infelizmente, em alguns casamentos a “doçura” no falar vai acabando com o passar do tempo. Você se lembra de como falava com seu marido durante o período do namoro? Procure voltar ao seu “primeiro amor” na doçura do falar e no agir, aumentando as palavras de apreciação, carinho e amor para com seu marido, evite palavras grosseiras, mal-educadas ou frias.
SOBERBA E RUÍNA
A soberba precede a ruína, e a altivez do espírito, a queda. Pv 16.18
A soberba num casamento se revela de muitas maneiras: pensar em si mesmo primeiro, falar dos seus próprios sonhos, sempre reservar o maior e melhor pedaço para si, nunca admitir que errou, nunca pedir perdão, dominar o telefone, dominar o controle remoto, demorar no banheiro. Você quer paparicar seu marido? Pense nele antes de pensar em si mesma.
MEDICINA PARA O CORPO
Palavras agradáveis são como favos de mel, doces para a alma e medicina para o corpo. Pv 16.24
Quando foi a última vez que você comprou um presente-surpresa para seu marido? Que tal deixar debaixo do travesseiro dele algo simples, como um bombom ou outro doce preferido dele? Junte a um recadinho de estímulo e amor. Lembre-se: não haverá presente melhor do que suas doces palavras que serão como remédio para ele.
ATITUDES DE AMOR NA ANGÚSTIA
Em todo tempo ama o amigo; e na angústia se faz o irmão. Pv 17.17
Quando seu marido estiver passando por alguma crise, seja amiga de verdade, evite as lições de moral ou as broncas; o que ele mais deseja é um abraço amigo, carinhoso, e palavras que confortam e não acusem. Às vezes a melhor atitude é o silêncio compreensivo de compaixão e simpatia, em vez de oferecer soluções para os problemas que seu marido compartilha.
OUVINDO COM O CORAÇÃO
O insensato não tem prazer no entendimento, senão em externar o seu interior. Pv 18.2
Você realmente ouve o que seu marido tem a dizer, ou apenas o tolera enquanto pensa no que você vai falar ou responder? Quando ouvimos com o coração, temos interesse sincero. Devemos ouvir primeiro para depois responder, e prestar atenção no que o outro quer dizer. Cultive a disciplina de concentrar-se no que seu marido está dizendo e evite interrompê-lo sem necessidade. Seja sábia, ouça com o coração.
VIDA EM BILHETES DE AMOR
A morte e a vida estão no poder da língua… Pv 18.21
Escreva palavras bondosas em bilhetes de amor para seu marido, e os coloque em lugares diferentes como junto ao telefone, debaixo do prato dele, na gaveta do quarto, no porta-luvas do carro, etc. Seu marido precisa viajar a serviço? Que tal esconder na mala, na carteira, no sapato dele, suas palavras carinhosas que lhe tragam ‘vida’ e o façam lembrar-se de como ele é importante para você?
ROUPA ELEGANTE
A mulher virtuosa… faz para si cobertas, veste-se de linho fino e de púrpura. Pv 31.22
Alguns homens dizem que suas esposas nunca ficam arrumadas em casa. Você tem se vestido de forma atraente não só para os “de fora” (igreja, trabalho), mas também para agradar a sua marido? Você procura usar as cores, o perfume, o penteado que ele mais gosta? Se você sabe a hora que ele vai chegar a casa, que tal se preparar para recebê-lo?